Recarregar a pilha

Já passou a maior parte da azáfama mas ainda não terminou por completo. Estes dois últimos dias foram bons, aliás, mesmo muito bons! A família toda junta, as crianças a divertirem-se (e a casa num alvoroço), o cherinho do pinheiro, os presentes, os doces, a mesa cheia, o meu aniversário, os risos, os abraços, as conversas... resumindo,  amor , amor e muito amor. Tanto amor que no dia 25 tive que ir com o meu pai ao hospital, porque o Sr. Afonsini num alegria e excitação tal com o avô, sem querer, enfiou-lhe o dedo no olho e arranhou-o. (agora anda com uma pala no olho). 
Bem tudo muito bonito mas muuuuuitoooo cansativo! Eu estou K.O. e preciso de recarregar as pilhas, e se me dão licença vou ali e já volto!
Um grande obrigada, de coração, pelas mensagens de parabéns. Fiquei (e estou) muito feliz, MESMO! E espero que o vosso natal tenha sido tão bom quanto o meu!


4 comentários:

  1. Muitos Parabéns e as melhoras para o seu pai :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. PARABÉNS!!!!! Muitas felicidades Olga e que contes muitos muitos, com muita saúde. Beijinhos <3 ;)

    ResponderEliminar