5/6 anos - Comportamento - parte II



Como é ter 5/6 anos?
A criança está mais confiante e organizada. Percebe as regras e consegue explicá-las aos outros. Também consegue brincar em grupos de 2-5 crianças e controla melhor o seu comportamento. Quando se zanga, consegue resolver os problemas de forma mais calma. Os pais podem ajudar a criança a aprender a resolver problemas:
  • Conversem sobre os problemas e formas de os resolver pacificamente
  • Quando surgem problemas, ajudem as crianças a pensar em formas de os resolver
  • Dêem espaço à criança para resolver os seus problemas e intervenham só quando parece demasiado difícil

Ideias para brincar
Brincar ajuda a criança a aprender competências sociais importantes, que contribuem para tornar o seu comportamento mais adequado. A criança aprende a partilhar, esperar a sua vez, cooperar, seguir regras, resolver problemas. Nesta idade, brincar com outras crianças da mesma idade é essencial.

Brincar com amigos
  • Bolas e espaço livre
  • Roupas e acessórios para disfarces
  • Puzzles e jogos de mesa
  • Lápis, canetas, tintas, cola, tesoura, papel, plasticina para obras de arte
  • Caça ao tesouro

Uns minutos de brincadeira com os pais todos os dias
  • Rimas: ensine à criança rimas e lenga-lengas. Quando já perceber como se rima, podem jogar às rimas e ver quem encontra a palavra mais divertida para rimar
  • Qual é o som? Diga palavras começadas pela mesma letra (bola, boneca, balão) e peça à criança para descobrir qual é o primeiro som. Depois troquem de papéis.

Aprender a portar-se bem
Lidar com o comportamento da criança é um dos maiores desafios de ser pai. Para a criança aprender a portar-se bem, é preciso guiar o seu comportamento de forma positiva.

Encorajar comportamentos adequados
  • Dar instruções claras: Os pais devem garantir que a criança está a ouvir, dar a instrução de forma afirmativa ("Despe o pijama" em vez de "podes despir o pijama?"), assegurar que a criança consegue seguir a instrução ("Despe o pijama, agora veste a camisola..." em vez de "Veste-te") e garantir que cumpre, relembrando-a.
  • Dar atenção e ouvir: Quando a criança fala ou se porta bem, os pais devem mostrar que estão atentos: aproximar-se da criança, observar, olhar nos olhos, sorrir e comentar as coisas que está a dizer e a fazer.
  • Dar o exemplo: A criança faz o que vê fazer. Se quer ouvir "por favor", diga-o também.
  • Elogiar e premiar: Devem elogiar e premiar os comportamentos positivos e não só os comportamentos perfeitos. Para ser mais eficaz descrevam o comportamento ("Gosto muito quando emprestas os carrinhos" em vez de "És um menino lindo"). Também podem premiar a criança com uma história ou uma brincadeira juntos ("como te vestiste depressa, podemos ir ao parque").

Evitar comportamentos desadequados
  • Reduzir a tentação: Retirem objectos proibidos do alcance da criança.
  • Escolher as batalhas: Guardem o NÃO para coisas mesmo importantes.
  • Dar escolhas: "Não podemos ir ao parque mas podemos fazer um desenho ou ler uma história. O que preferes?"
  • Estabelecer regras consistentes: A criança deve antecipar o que pode e não pode fazer ("Não se bate").
  • Manter rotinas: Saber o que acontece a seguir ajuda a criança a organizar-se.
  • Preparar transições: "Daqui a um bocadinho vamos tomar banho".

1 comentário:

  1. Tão útil Olga! Gostei muito...estou a começar a preparar-me para o que aí vem! eheheh ;-)
    Beijinho

    ResponderEliminar