O MONSTRO CHAMA-SE HIPERMESE GRAVIDICA

Já estou na 12 semana de gestação. Espero, desespero, peço, imploro,... que isto abrande. Já emagreci 3 quilos. Sério!!!
Mamãs deste país que passaram por isto partilhem truques, dicas, chás e mezinhas que ajudem a melhorar... PLEASE







O REI VAI NU também está no FACEBOOK e INSTAGRAM

7 comentários:

  1. Antes demais parabén pela gravidez! Só consegui mesmo com medicação! Tomei Nausefe mas se não quiser ir por aí, dizem que, comer uma bolacha de água e sal antes de levantar da cama, repousar uns 5/10 minutos e só depois levantar, que dá resultado. Eu experimentei mas não deu comigo!

    ResponderEliminar
  2. Ter paciência e pensar que no fim vai ter um final feliz! Sofri de hiperemese gravítica e vomitei durante toda a gravidez e mesmo no dia depois do nascimento da minha filha. Estive em descanso absoluto em casa, ou quando os vómitos eram mais intensos e sinceramente já nem tinha força para andar, era internada no hospital e ficava uma ou duas semanas por lá... Foram 9 meses assim, de casa para o hospital. O melhor é fazer o mínimo esforço possível e comer pouquinho e várias vezes ao dia. É necessário ter muita atenção aos níveis de potássio, que baixam muito por se estar sempre a vomitar e morre-se por isto...
    Foi uma gravidez muito sofrida, com com um final muito feliz, é nisso que tem que se concentrar e que por muito mau que seja, só dura 9 meses!!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Uma colega minha de trabalho também passou as gravidezes a vomitar. Segundo eu me lembro ela tinha de comer de duas em duas horas. Se passava esse tempo é que lá vinha o vómito. Julgo que o que ela comia melhor era pão e bolachas de água e sal...

    ResponderEliminar
  4. Olá Olga,
    Espero que estejam bem!
    Nas minhas gravidezes passei pela mesma situação, com a gravidez do Gonçalo os sintomas tornaram-se mais graves.
    Vomitei do 1° ao último dia.
    Nada resultava e após muitas deslocações ao hospital para levar soro e muitos suplementos alimentares, a minha obstreta optou por receitar priperan. Era isso ou internamento. Ficava mais aliviada com limonada, tostas secas, salada russa sem mayonese, maça e bananas. Nunca deixei de trabalhar mas qd chegava a casa deitava-me para descansar. Nao deixei de vomitar, mas os intervalos aumentaram. Bebia agua com uma rodela de limao e após cada surto que me parecia interminavel bebia uma água das pedras ou coca-cola. E comia muitas gomas.
    Em relaçao ao priperan só o teu medico te poderá a conselhar.
    Qualquer coisa liga-me.
    Bjinho grande,
    Sandra Frazao

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahhh...as gomas.. Comia mtas gomas.. E até aos 6 meses não bebia água natural.só das pedras.. Passa se com cada coisa em prol de um bem maior ...

      Eliminar
  5. É preciso muita paciência.. Eu desde a 7a semana e até ao parto quase todas as semanas lá ia eu passar umas horas ao hospital.. Comigo só resultava no hospital o ondastron. Ao início ajudou congelar sumo de melancia...q eu chupava depois ...e era o q me ia ajudando a não desidratar.. Não houve grandes mezinhas q ajudassem... 6 nausefes por dia.. Ainda há mto bicho a volta desta doença... Gravidez não e doença.. Mas infelizmente HG é. E só quem passa compreende o quão mau é... Vomitar 20xs por dia...perder o controlo de reacções.

    ResponderEliminar
  6. Se calhar já vou tarde, porque já percebi que felizmente está bem melhor, mas de qualquer modo deixo o testemunho, para ajudar quem possa passar pelo mesmo. Antes de tudo convém ressalvar que sou profissional de saúde (e o pai também) e por essa razão nunca precisei de ficar hospitalizada para fazer os tratamentos. Vomitei desde o 1º dia até cerca dos 7 meses, no entanto as náuseas mantiveram-se sempre.
    Logo ao início, vendo o lastimoso estado de coisas, a médica iniciou prontamente o Nausefe (3 por dia) e rapidamente escalei até à dosagem máxima (6 por dia). Tentei tudo o que são artimanhas naturais: não levantar sem comer uma bolacha de água e sal, amêndoas com casca, gengibre sob todas as formas...vá, até aquelas pulseiras anti-enjoo para quando se vai andar de barco eu tentei (funciona como uma espécie de acupressão). Claro que continuei a vomitar absolutamente tudo, a enjoar o dia inteiro. No 1º trimestre perdi 5kg e naturalmente ganhei um bilhete de ida para casa, sem volta a anunciar. Foram tempos de muito, muito desespero, de quase incapacidade de gozar as coisas boas da gravidez. A dada altura o meu marido falou no Ondansetron, abordei isso com a médica e tive autorização para o fazer. Na forma oral era caríssimo e dificil de encontrar, mas lá consegui - fiz diariamente 6 nausefe e 2 ondasetron para não vomitar. Como disse, as náuseas foram até ao fim, mas só o deixar de vomitar! Que maravilha!
    Infelizmente tive outras complicações que me obrigaram a repouso e com muita persistência consegui que a princesa só nascesse às 37 semanas!
    Por ela, claro que passaria por tudo novamente, mas confesso que tendo sido uma gravidez tão dificil não tenho pressa nenhuma em repetir a experiência. Quero muito que tenha irmãos sim, mas já lá vão mais de 2 anos e continuo sem ter vontade nenhuma de engravidar.

    ResponderEliminar